E o instinto não abandonou o personagem,

naquele tom conquistador,

suportado por todo o brilhantismo

 que mascara o caráter devastador.

 

Cores, formas, transformações…

Infinitas nuances,

quantas visões diversas de mundo,

combinações das ênfases…

Quantas são as ligações dos genes;

e os ângulos emergentes…

 

Sonho, devaneio, ilusão?

Este quantum de carne,

ossos, pêlos, sensações,

que de modo involuntário,

interagem com emoções?

 

Se a grande margem do oceano,

em seu pequeno movimento de todo ano,

arrastasse-me ao grande fado,

que sentido faz pastar neste pequeno prad..